Home Especial Assistência Social mobiliza Aparecida contra a exploração sexual

Assistência Social mobiliza Aparecida contra a exploração sexual

SHARE

Ontem pela manhã, a Secretaria de Assistência Social realizou uma caminhada, que foi acompanhada por servidores, alunos e conselheiros tutelares do município. No objetivo de chamar a atenção para a data, a ação percorreu todo o centro da cidade com faixas e foram entregues panfletos informativos à população.
O objetivo da mobilização foi de sensibilizar pais, crianças, adolescentes e toda sociedade para a prevenção contra o abuso sexual. A campanha visa instruir famílias sobre proteção e exposição aos riscos, além de ajudar crianças e adolescentes no enfrentamento a esse tipo de abuso. O principal objetivo é conscientizar a população sobre o problema e incentivar as denúncias por meio do Disque 100.
“Somente nesse momento em que estamos aqui, uma criança foi abusada, é o que mostram os números, e isso é muito sério. Essa campanha é importantíssima para sensibilizar a população sobre essa prática e a secretaria vem, por meio dessas ações, reforçar o empenho em proteger e garantir as políticas públicas para todas as crianças e adolescentes do município. Reforçamos aqui também o incentivo às denúncias através do Disque 100, plataforma essencial para o combate a esse crime”, destacou a primeira-dama e secretária de Assistência Social, Mayara Mendanha.
No final da tarde, a ação de mobilização ocorreu em quatro pontos da cidade simultaneamente. As intervenções, feitas em semáforos próximos às áreas de abrangência dos Centros de Convivência do município, chamaram a atenção de motoristas e pedestres que passaram pelo local. Além da entrega de material informativo, diversos profissionais da área participaram da ação para sensibilizar e orientar a população sobre a campanha. “Essa ação é muito importante para lembrar a todos que esse problema é real e também enfatizar o número do disque-denúncia. Esse assunto é muito sério e deveria ser bem divulgado, como está sendo agora”, ressaltou Priscila Silvestre, motorista que participou da mobilização.
A campanha Contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes será realizada também com as famílias beneficiárias das políticas de assistência, durante todo o mês, nas unidades dos Cras e Creas do município.