Esporte

Associação Atlética Aparecidense dá show

Por Romes Xavier  

Foi emocionante a classificação da Aparecidense na Copa do Brasil, na última terça-feira, 6, no Estádio Anníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia. O Botafogo (RJ) resolveu usar um esquema de três zagueiros com dois alas e muitos jogadores no meio campo e pouco no ataque. O esquema do clube carioca favoreceu o time do Camaleão, que teve mais posse de bola e decidiu o jogo no segundo tempo com uma pressão muito forte em cima.
Pimpão marcou no primeiro tempo para o Botafogo e no segundo, com Nonato de cabeça e Gustavo Ramos, também de cabeça, a Aparecidense fez o que nenhum botafoguense imaginava. Teoricamente, a equipe do Rio tem uma defesa muito boa com Joel Carly e Igor Rabelo, mas a introdução de Marcelo como o terceiro jogador da defesa enfraqueceu a marcação e o time da casa soube tirar proveito, jogando pelos lados, e venceu em um jogo histórico, que virou notícia em todo o Brasil.
Foi a primeira vez que a Aparecidense enfrentou um adversário que está posicionado entre as 12 maiores potências do futebol brasileiro. E fez bonito. A equipe goiana foi corajosa, soube fazer o dever de casa e garantiu mais R$ 600 mil no seu caixa. Já tinha faturado R$ 500 mil só por estar na competição. Aliás, a Copa do Brasil é financeiramente muito mais interessante que a Libertadores da América. O vencedor desse campeonato ganha até R$ 68,7 milhões. É muito lucrativo.
Caso a Aparecidense passe pelo Cuiabá (MT), outra quantia significativa vai para os cofres do Camaleão. E tem muita possibilidade de passar. Outros goianos jogaram na quarta-feira, 7, na primeira fase da Copa do Brasil. Em Altos (PI), o Atlético-GO ficou pelo caminho ao ser derrotado por 2×1, enquanto o Goiás se classificou ao vencer o Sinop (MT) por 1×0 e o Vila Nova foi o último goiano a se classificar ao passar pelo São Raimundo (RR) por 1×0, na capital Boa Vista.
O Atlético teve problemas na quinta-feira, 8, à noite, quando desembarcou no aeroporto de Goiânia. Foi recebido por alguns torcedores que jogaram ovos no ônibus do clube, cobraram mais empenho e resultados dos jogadores. Time rubro-negro está sob pressão e precisa vencer imediatamente.
No fim da semana, a CBF confirmou os confrontos da segunda fase da competição. Goiás joga com o Boa Esporte (MG), no Serra Dourada, e o Vila Nova vai pegar o Joinville (SC), também em Goiânia. O aproveitamento dos goianos nesta primeira fase da Copa do Brasil foi de 75%. Só o Dragão pisou na bola!

Related Articles

Close