Saúde

Brasil teve aumento nos casos de infecções por HIV

Durante oito anos a alta foi de 21%

 

Diferentemente de outros países que tiveram uma redução no número de infecções por HIV, o Brasil regrediu e teve uma alta de 21% nos casos da transmissão da doença a partir de 2010.

O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (Unaidis), informa em seu relatório anual que o número de infecções no mundo permaneceu estável, em uma comparação com anos anteriores.

A cada ano são cerca de 1,7 milhão de novos casos diagnosticados.

De acordo com os índices, a América Latina teve um grande impacto no número das transmissões, 7% foi a elevação levando em consideração todos os países da nossa região continental, o aumento tem relação direta com os casos no Brasil.

No continente o Brasil ficou atrás somente de dois países em relação ao aumento nos números da doença, o Chile teve alta de 34% e a Bolívia de 26%.

Avanços

A meta para o Ministério da Saúde do Brasil, é que até o ano que vem 90% dos casos de Aids estejam diagnosticados no país.

Além disso o Ministério ressalta que o  número de mortes em consequência da doença, teve diminuição. De 5,7 por 100 mil habitantes em 2014 para 4,8 no ano de 2017.

“O Ministério da Saúde reafirma seu compromisso com o enfrentamento da epidemia de HIV/Aids e com a sustentabilidade da resposta brasileira a essa epidemia”, informa o órgão.

Mundo

  • Em índices mundiais, o vírus HIV, tem uma proporção em entorno de 37,9 milhões de pessoas convivendo com a doença.

 

  •  Somente 23,3 milhões tem acesso à terapia antirretroviral.

 

  • 770 milhões já morreram por causa da Aids.

 

  • 32 milhões de pessoas morreram por doenças relacionadas à Aids.

 

  • Ao todo 74,9 milhões de pessoas foram infectadas pelo HIV desde o início da epidemia.

(Dados da Unaids)

 

Related Articles

Close